NadaFrágil.com.br

A grande vilã chamada Carne Vermelha


Calila Galvão

Quantos de nós já não ouvimos em algum lugar, seja na TV ou na internet, que a carne vermelha é prejudicial à saúde? Quantos profissionais já não devem ter falado para os seus pacientes para trocar o consumo da carne vermelha pela carne branca? E tenho quase certeza de que vocês, que estão lendo este artigo agora, compartilham da mesma opinião.        

Conheça também a nutrição esportiva.

A grande vilã chamada Carne Vermelha

Mas, definitivamente, o mundo não pode viver de verdades absolutas sem serem contestadas. Se alguém não se propusesse a ir mais a fundo com certeza ainda pensaríamos que a Terra e o centro do universo e que o Sol e os outros planetas giram em torno dela. Portanto, saber um pouco a mais sobre o que de fato a carne vermelha representa em nossas vidas, antes de excluí-la do nosso cardápio é uma necessidade.

Os benefícios e malefícios da Carne Vermelha

Vamos por partes. Primeiro, não estou aqui para contestar as pesquisas feitas por anos e que comprovaram: pessoas que consomem mais carne vermelha possuem taxas de colesterol mais elevadas que as que não consomem e portanto estão mais propensas à adquirir uma doença coronariana. Mas isso são médias e probabilidades. Essas pesquisas não dizem que quem come carne vermelha terá o seu nível de colesterol elevado e vai adquirir doença coronariana. Isso depende de diversos outros fatores como sedentarismo, consumo de medicamentos, de drogas, fumo, outros tipos de alimentos e vários outros pontos.

A grande vilã chamada Carne Vermelha

Tudo neste mundo tem o seu lado bom e o lado ruim. O que as notícias insistem em passar, talvez por modismo, é que carne vermelha faz mal. Mas você já percebeu que raramente se fala dos benefícios desse tipo de carne para a nossa saúde? De acordo com pesquisas realizadas pela Universidade de Johns Hopkins e Universidade de Minnesota, as diferenças entre quem come carne vermelha e carne branca são quase nulas.

Eles utilizaram um grupo de 191 pessoas em suas pesquisas e as dividiram em grupos: um comia carne vermelha e o outro, carne branca. A dieta, que durou 9 meses, era sempre com carnes magras e baixo teor de gorduras e carboidratos.  Os dois grupos apresentaram os seguintes resultados: baixo teor de LDL (colesterol ruim), aumento das taxas de HDL (colesterol bom) e redução, em média, de 6% nas taxas de triglicerídeos.

Outros benefícios da Carne Vermelha

Como você pode ver, nem tudo que é vendido como verdade absoluta pode ser comprado de olhos vendados. É sempre preciso ver o outro lado da moeda. Veja outros benefícios que a carne vermelha pode te trazer:

A grande vilã chamada Carne Vermelha

  • Possui ácido linoleico que é anticarcinógeno e ajuda a queimar gorduras;
  • Contém vitaminas do complexo B, vitaminas A e D;
  • Minerais como zinco, ferro, fósforo, potássio, magnésio;
  • Proteína de alta qualidade, ideal para reconstituição muscular;

A dieta da proteína

Creio que você já deve ter ouvido falar nela e provavelmente foi indicada a não seguir. É do conhecimento da grande maioria que consumir grades quantidades de proteínas pode afetar o bom funcionamento do coração. Mais uma vez, uma pesquisa foi realizada para verificar a veracidade dessa afirmação. Foram escolhidas mais de 80 mil mulheres, que ficaram durante 14 anos seguindo uma dieta rica em proteínas, tanto de origem animal como vegetal.

A grande vilã chamada Carne Vermelha

Mais uma vez a resposta não foi a esperada. O que se percebeu foi que as mulheres possuíam uma chance 26% menor de desenvolver uma isquemia cardíaca. Para quem não sabe do que isso se trata, a isquemia ocorre quando há a falta de oxigênio em determinada parte do corpo e isso pode trazer sérias consequências. Isso ocorre normalmente por acúmulo de placas de ateroma ou também conhecidas como placas de gordura que impedem a passagem do sangue naquele local causando a isquemia.

Saiba mais sobre a dieta da proteína.

Está vendo só como nem tudo pode ser tomado como verdade absoluta? Muitas vezes o que parece não é. Pesquisar mais antes de tomar qualquer decisão e consultar um profissional especializado pode te auxiliar a seguir a melhor decisão para a sua vida. Procure se alimentar bem e seguir uma dieta balanceada onde todos os grupos alimentares estejam presentes de forma equilibrada.

Facebook NadaFrágil.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *