NadaFrágil.com.br

Compulsão por Doces – Veja como Combatê-la


Amanda Brandão

O consumo compulsivo por doces está associado a problemas psíquicos e orgânicos. Pelo menos é o que dizem os especialistas em nutrição que se baseiam em pesquisas e entrevistas com pessoas que sofrem com a compulsão por doces. Alguns especialistas acreditam que a compulsão por doces é tão doentia quanto à dependência do álcool ou drogas.

Compulsão por Doces - Veja como Combatê-la

Quando uma pessoa come doce excessivamente, geralmente é para compensar algum problema ou então melhorar o humor de quem sofre com essa compulsão inexplicável.

Depois de ter comido doces sem parar essas pessoas costumam ter pesadelos com a balança e, consequentemente começam a se sentir mal. Isso acontece porque nas últimas décadas as pessoas só pensam em seguir os padrões de beleza e sonham em ter um corpo perfeito, como as modelos nas capas de revistas e passarelas.

Nos consultórios, o interessante é que as causas são bem semelhantes. Por exemplo, se uma pessoa gorda, elas acabam desencadeando essa compulsão por doces devido o complexo de culpa e recriminações que sofrem.

Compulsão por Doces - Veja como Combatê-la

Assim como as pessoas gordinhas, as magras também podem sofrer dessa compulsão por doces, devido os transtornos alimentares ou por depressão. Os pesquisadores afirmam que a compulsão pode ser atribuída devido uma adaptação do organismo para suprir a deficiência de uma substância chamada serotonina, ou seja, essa substância é responsável pela comunicação entre os neurônios.

Compulsão por Doces - Veja como Combatê-la

Alguns estudos comprovaram que as pessoas que sofrem algum tipo de desequilíbrio no sistema da serotonina apresentam uma disfunção alimentar ligada a distúrbios psiquiátricos. A serotonina também influencia no estado de humor e sonolência de um individuo, quando o cérebro apresenta uma diminuição dessa substância, a pessoa sente uma vontade incontrolável de ingerir açúcar, daí que vem a compulsão por doces.

Compulsão por Doces - Veja como Combatê-la

O individuo pode comer doces sem culpa, desde que haja uma autodisciplina na compulsão. As pessoas estão cansadas de saber que o regime perfeito para uma pessoa manter a forma requer uma alimentação com muitas verduras, carnes, frutas, legumes e cereais. Para uma alimentação ser considerada ideal, ela deve apresentar 55% de carboidratos, 30% de gorduras e 15% de proteínas.

Como se livrar da compulsão por Doces?

Geralmente, quando as crianças são comportadas e obedecem aos pais, as mães colocam açúcar da mamadeira como forma de recompensa, depois aos poucos vai ganhando um refrigerante, na fase da adolescência o namorado presenteia sua amada com uma caixa de bombom e, assim por diante. O doce passa a adquirir um significado afetivo na vida dessa pessoa, se caso houver algum dia uma carência de afeto, a única compensação que essa pessoa vai buscar é através de doces.

Compulsão por Doces - Veja como Combatê-la

Para livrar-se dessa compulsão, uma dica é tentar ingerir mais vegetais como espargos, pois diminuem a saciedade em atacar a geladeira atrás de doces toda hora.  As pessoas que sentem uma vontade incontrolável de comer doces e não são diabéticas, podem optar então pelas compostas de frutas ou doces sem gorduras, esses podem ser uma excelente opção.

A única regra para combater esse problema é tentar driblar a vontade de comer doces, e optar por comer frutas, doces dietéticos, exercícios físicos para aumentar a serotonina, proporcionando ao corpo uma sensação de bem-estar. Porém, se a vontade é difícil de ser controlada, o mais recomendando é que você procure ajuda para fazer um tratamento de distúrbios de ansiedade que em alguns casos a compulsão pode estar associada a este quadro.

Compulsão por Doces - Veja como Combatê-la

Uma boa dica é eliminar os doces da geladeira e armários, se você conviver com doces em sua casa vai ficar passando vontade e terá que resistir sempre às essas tentações. Evite comprá-los em grandes quantidades, muitas vezes a pessoa diz que está comprando doces para o filho quando na verdade compra para si mesmo. O doce não precisa ser proibido, apenas não deve ser comprando em grandes quantidades quando você sabe que esse alimento é inadequado para você. Quando se tem doces em casa aumenta ainda mais a tentação de ingeri-lo, pois sempre pode surgir um momento de fraqueza.

Dicas importantes para se livrar da Compulsão por Doces

Se você não consegue viver sem um docinho, conheça algumas dicas bem úteis que podem ajudá-las nos desejos incontroláveis de atacar a geladeira em busca de doces. Um docinho por dia não vai arruinar a sua dieta e fazer com que você ganhe alguns quilinhos, ao contrário, você pode comer um porção diária – desde que saiba acertar na medida e nas suas escolhas, dessa forma você conseguirá evitar que o desejo pelo açúcar se torne uma compulsão – aquela vontade incontrolável que faz a gente devorar uma caixa inteirinha de bombons em questão de segundos. Para esse terror não atormentar mais a sua vida, é só seguir algumas dicas, veja:

Compulsão por Doces - Veja como Combatê-la

  • Escolha a sobremesa ideal: Prefira os doces, como castanhas ou frutas, por exemplo. As fibras e gorduras boas diminuem a velocidade da absorção do açúcar, além disso, dessa forma a glicose é liberada aos poucos no sangue, controlando o desejo de comer doces e evitando ataques incontroláveis a geladeira.
  • Prefira os doces feitos em casa: Ao preparar alguma sobremesa, da para você trocar a margarina, o leite e o açúcar pelas versões mais light, o que ajuda a reduzir as calorias dos doces – diferentes daquelas sobremesas prontas.
    Uma ótima dica para os momentos de desejo é o suplemento Power Pak Pudding, da marca MHP. Ele é rico em proteínas, pobre em carboidrato e não possui gordura. Outra dica para os momentos incontroláveis de comer algum doce é optar pela gelatina com um iogurte light. Mata a vontade de começar açúcar e ainda não coloca a sua dieta por água baixo.

Compulsão por Doces - Veja como Combatê-la

  • Invista nos sabores fortes: Bateu aquela vontade de devorar uma barra de chocolate? Então prefira o chocolate meio amargo, pois ele possui propriedades antioxidantes e não contém açúcar, controlando assim a sua vontade de comer mais e mais. Além disso, o sabor acentuado do chocolate meio amargo te deixa com uma sensação de satisfação, apenas com um pedacinho de chocolate. O azedinho do mousse ou da torta de limão também proporciona a mesma sensação.
  • Acerte na hora de comer: Depois do almoço, como sobremesa, o doce tende a engordar menos. As fibras presentes na refeição ajudam a reduzir a absorção do açúcar no sangue. Até uma hora antes de alguma atividade física também é uma boa hora para você matar a vontade de comer um docinho, pois as calorias serão usadas para a atividade física.

Compulsão por Doces - Veja como Combatê-la

  • Divida a sobremesa: Deixe para experimentar aquele doce quando sair para comer com os amigos e reparta a tentação com a turma. Dividir alguma sobremesa com os amigos, seja em duas ou três partes ajuda todo mundo a ficar em forma.
  • Congele os doces: Quando você preparar alguma sobremesa ou comprar uma torta, um bolo ou até mesmo quando você abrir uma barra de chocolate, coma apenas um pedacinho e congele o restante. Longe da sua vista, fica mais fácil controlar a sua compulsão por doces.

Compulsão por Doces - Veja como Combatê-la

  • Cheire o chocolate: Pode acreditar, mas esse truque funciona mesmo. Boa parte do que pensamos que é o gosto de um alimento, na verdade é o cheiro do alimento pelo qual sentimos tentação de comê-lo. O olfato é mais eficiente do que o paladar para ativar os receptores do nosso cérebro que tem como função responder pelas emoções, como é o caso do bem-estar que sentimos quando ingerimos algum alimento com açúcar, por exemplo, sentir o cheiro de um doce é como se estivéssemos enganando o nosso cérebro, fazendo-o achar que o doce já foi ingerido e controlando a vontade de comer mais doce.
  • Mastigue um chiclete: Desde que o chiclete seja sem açúcar, é claro. Prefira um chiclete com sabor de hortelã e deixe o gosto refrescante contagiar você. Essa é uma forma de distrair o cérebro com uma goma de mascar na boca, dessa forma o corpo liberará uma substancia chamada de setoronina, fazendo com que a fome reduza e deixe você menos ansiosa.

Compulsão por Doces - Veja como Combatê-la

  • Faça uso de florais: Se todas as sugestões citadas acima não resolver o seu problema, você ainda tem a última chance que é recorrer para a medicina alternativa, conhecida também como aromaterapia. O Roll-on Diet Aid, da marca Tisserand promete proporcionar uma sensação de saciedade por mais tempo. O produto possui um aroma extremamente doce e exótico como o cheiro do chocolate, ajudando a combater a perda de motivação e confiança, além de suavizar o desconforto digestivo.

Como comer menos Doces?

Compulsão por Doces - Veja como Combatê-la

Eliminar o açúcar de vez da sua vida é praticamente ou quase impossível, ainda mais para aquelas pessoas que tem uma verdadeira compulsão por doces. Mas, a boa noticia é que tem como reduzir sua ingestão ao evitar os alimentos industrializados – em especial com farinha branca. Quando bater aquela vontade de comer um açúcar beba mais água, pois o cérebro confunde desidratação com fome.

Além disso, consuma mais proteínas, garante uma sensação de saciedade por muito mais tempo e ajudam a resistir à vontade de comer um docinho. Abra mão da sobremesa por três semanas para readaptar o seu paladar e diminuir a compulsão por doces. Mas, a dica mais importante para conseguir maneirar a compulsão por doces é tentar evitar o impulso de “beliscar”.  Com essa mania de beliscar um pouquinho o doce, você acaba comendo uma sobremesa inteira no final.

Facebook NadaFrágil.com.br

2 respostas para “Compulsão por Doces – Veja como Combatê-la”

  1. Karla disse:

    Se tem uma coisa q nao substitui em nada um doce e a gelatina.eta negocio ruim.iogurte tb e osso,eu gosto,mas no café da manha e nao como substituicao de um doce.

  2. micaele disse:

    adoreiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *