NadaFrágil.com.br

Digestão Perfeita: Você Sabe Comer Direito?


Eliana Lee

Com a correria do dia-a-dia que mistura os afazeres do trabalho, de casa, da família e seus próprios interesses pessoas, fica difícil estabelecer uma rotina com a comida. Um horário que possa ser dedicado única e exclusivamente para sua alimentação, afastando as distrações e as preocupações que outros assuntos proporcionam.

O resultado é uma vida alimentar desregrada, ganho de peso e aparecimento de algumas doenças, como a gastrite e a ansiedade.

Antes de que algo errado comece a se manifestar em seu organismo, que tal dar uma olhada nessas dicas de como tratar a hora de comer com mais carinho?

Dicas para a hora de comer

Segundo Deepak Chopra, médico endocrinologista conhecido no mundo todo por seus livros, existem alguns passos básicos para se ter uma digestão perfeita e com isso evitar problemas gástricos.

1. Acalme-se

É vantajoso acalmar-se antes e depois das refeições. Antes de começar a comer, pare por alguns minutos. De preferência, sente-se Comer Corretamentesozinha e respire profundamente, durante cinco minutos. Você pode fazer isso em seu próprio escritório ou nicho, antes de sair para o almoço ou ainda no banheiro. Apenas respire e acalme-se. Lembre-se de se desligar de celulares e e-mails.

Quando terminar a refeição, garanta que passará mais um tempinho assim, da mesma forma, apenas descansando e respirando. Pode parecer uma perda de tempo, no início, mas com a aquisição desse hábito, você vai acabar sentindo a diferença em sua digestão e, por consequência, em sua saúde.

2. Sente-se

Coma sempre sentada. Essa é a posição ideal para relaxar o aparelho digestivo e prepará-lo para receber a comida. Mesmo que seja apenas para fazer um lanche rápido, procure se sentar para comer.

3. Não coma se estiver nervosa ou chateada

Muitas mulheres sentem o impulso de comer se passaram por alguma situação de estresse recente. Evite fazer isso! Procure se acalmar, durante 20 ou 30 segundos, de olhos fechados. Mesmo que esteja muito zangada ou aborrecida, não tome nenhuma atitude nesses primeiros instantes. Seja persistente. Com o passar de aproximadamente um minuto, é provável que o desconforto inicial tenha diminuído. Só coma se estiver se sentido a vontade e mais tranquila para isso.

4. Não coma demais

Comer CorretamenteParece obvio, mas ás vezes exageramos na dose: o resultado é uma sensação de mal estar generalizado. Isso acontece porque quando “lotamos” nosso estômago em sua capacidade máxima, não deixamos espaço suficiente para que ele trabalhe de maneira saudável. Procure sentir o cheiro da comida, com bastante calma e também mastigar lentamente. Uma dica é colocar a comida

na boca e deixar o garfo “descansando” sobre o prato. Só depois de engolir, pegue o talher novamente e repita o processo.

Pare sua refeição no ponto em que achar que já está satisfeita e não apenas comendo por comer. No começo pode parecer difícil, principalmente se você tem o hábito de comer muito; mas após alguns dias de treino, você vai notar que já consegue perceber a hora certa de parar.

5. Não fale enquanto mastiga

Essa é a parte mais complicada, principalmente se você almoça com amigos todos os dias. Ainda assim, resista bravamente à tentação de se distrair ao ponto de falar e comer ao mesmo tempo. Procure conversar de maneira leve e tranquila, entre as garfadas. O ideal seria evitar assuntos do trabalho ou deprimentes durante as refeições, para evitar mal estar.

6. Coma somente se a refeição anterior já tiver sido digerida

Segundo Chopra, “quando você belisca o dia todo, seu aparelho digestivo nunca é capaz de processar adequadamente a comida que você ingeriu”. Mas afinal, qual é a distância ideal que deve ser dada entre as refeições? No geral, de três a cinco horas. Comer Corretamente

7. Alimentação fresquinha

Dê preferência a alimentos frescos ou que que foram cozidos na hora. Além de ser muito mais delicioso, a comida fresquinha é mais facilmente digerida pelo organismo do que as sobras ou comidas já esquentadas anteriormente. Outro item importante: procure evitar o máximo que puder alimentos congelados, embutidos e que contenham conservantes. Bebidas como o refrigerante ou sucos artificiais também. Além de não trazerem benefícios para a sua saúde, são alimentos que engordam e irritam o estômago.

É normal demorar a assimilar todas essas dicas no dia-a-dia, principalmente porque já mantemos nossa própria rotina para o trabalho, para a casa e também para a comida. Mesmo assim, comece aos poucos, incorporando um conselho por vez em seus hábitos diários. Você vai perceber que, em menos tempo do que imagina, estará se alimentando melhor e sentindo-se melhor após as refeições.

Facebook NadaFrágil.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *