NadaFrágil.com.br

Esmalte Craquelado – A moda veio para ficar


Joyce Carla

Esmalte CraqueladoAs unhas decoradas, ou nail arts, têm diversas seguidoras e tendências para todos os gostos. Que mulher não fez ou não quis experimentar uma misturinha, um ombrè ou uma francesinha inusitada? Hoje em dia, existe desde os esmaltes holográficos e flocado até as unhas coloridas cada uma de uma cor, o que não falta às manicures é criatividade. Uma das modas que veio para ficar é a do esmalte craquelado – aquele que parece vidro rachado. Há marcas nacionais que estão produzindo o esmalte especial que cria esse efeito e, assim, está mais fácil seguir a tendência da moda.

Os esmaltes craquelados devem ser aplicados por cima da unha pintada com uma cor difetente para criar o contraste. Conforme ele vai secando, começa a rachar e cria o efeito ousado. A aplicação é simples, mas deve ser feita com atenção. Primeiro, lixe as unhas e passe a base. Em seguida aplique duas camadas do esmalte de fundo (normal e da cor que você preferir). Retire os excessos e  deixe secar muito bem. Se possível, espere um dia para aplicar o craquelado.

Esmalte CraqueladoÉ importante que o esmalte esteja bem seco para que o efeito apareça. Use apenas uma camada do esmalte craquelado e espere alguns minutos até que ele comece a craquelar literalmente. Parece mágica, mas as rachaduras aparecem sozinhas. Com um palito de madeira e algodão, limpe o restante do esmalte dos cantinhos das unhas. Algumas mulheres aplicam um extra-brilho por cima, porque o esmalte craquelado fica fosco.

Os pontos principais da aplicação do craquelado são: estar com o esmalte de fundo muito seco e passar apenas uma pincelada fina do craquelado. A espessura da camada influencia muito no efeito, isso porque quanto mais esmalte, menos ele vai craquelar. Quando as marcas ainda não tinham lançado o esmalte específico para criar o efeito craquelado, era possível fazer o visual com o palito. Esse jeito é bem mais demorado.

Mitos e verdades sobre as unhas

Esmalte CraqueladoCom todas essas modas nas unhas, é importante saber o que faz bem e o que faz mal para elas. Algumas dúvidas criam os mitos, como unhas postiças podem fazer mal? Esmalte escuro fortalece a unha? A água da piscina pode descamar as unhas? Está cansada de ficar na dúvida sobre o que é certo ou não para as unhas? A dermatologista Miriam Sabino (CRM SP- 107351) explica o que é verdade e o que é lenda sobre as unhas.

As unhas são formadas pela queratina, uma proteína fibrosa, sendo considerada uma das mais fortes do tecido do corpo. Mas elas podem sofrer algumas alterações como anomalias da cor, forma e textura. Segundo Miriam Sabino, a coloração e a textura podem dar sinais de como anda a saúde do nosso corpo.

“As unhas quebradiças sem brilho, apresentam anemia, estresse, disfunções hepáticas e renais. Já as com descamação representam a falta de vitamina A no corpo. Para evitar esses tipos de aspecto é importante manter as unhas sempre limpa”, destaca a dermatologista.

A falta de vitamina C por exemplo, afeta a fabricação de queratina deixando as unhas fracas. Fique atenta aos sinais e note se houve alguma mudança na coloração ou textura. Veja algumas das dúvidas mais comuns sobre o assunto:

  • Tirar cutícula faz mal para as unhas?

Esmalte CraqueladoVerdade! Não é aconselhável que se tire mais do que o excesso. Além disso, você deve observar se realmente o material usado está esterilizado corretamente. “Ao retirá-la, abre-se uma porta de entrada para os micro-organismos, que causam infecções e inflamações”, comenta a dermatologista.

  • Esmalte escuro ajuda a crescer?

Mito! Algumas meninas acreditam esse tipo de esmalte aumenta a unha, porém não existe nenhuma comprovação científica de que isto seja verdade.

  • Unhas postiças podem fazer mal para as unhas?

Verdade! Ao colocar a unha postiça, você cria um espaço entre ela e a unha verdadeira, que proporciona a entrada de umidade levando a um ambiente perfeito para os danados dos fungos. “Se elas duram mais de quatro dias, levam ao descolamento ou causam danos na superfície da unha. Além disso, pode acontecer alteração na coloração e alergia à cola, dependendo da sensibilidade de cada pessoa”, relata a dermatologista.

  • Lixar e não cortar as unhas deixa mais fraca?

Mito! As unhas lixadas em quadradas tendem a quebrar mais facilmente e isso acontece por causa do formato. Mas não interfere se você optar em lixar ou só cortar.

  • A água da piscina pode descamar as unhas?

Esmalte CraqueladoVerdade! Os produtos químicos existentes na água podem ressecá-las, deixando-as quebradiças e trazer muitos incômodos.

  • É possível contrair hepatite fazendo as unhas?

Verdade! Se você não ficar atenta algumas prevenções, a possibilidade de contrair esta doença é grande. Além de higienizar o material, é necessário esterilizá-lo de forma correta. É recomendado você levar o seu próprio kit quando for fazer unha na manicure.

  • O excesso de esmalte pode danificar as unhas e deixar elas amarelas?

Verdade! O aspecto de unhas amarelas pode corresponder algumas doenças como metabólicas ou infecções. O excesso de acetona também pode causar danos nas unhas.

  • Spray é melhor que óleo secante?

Mito!  O uso do spray pode causar pequenas bolhas de ar nas unhas, comprometendo a qualidade da pintura. O mais indicado é o óleo secante ou o esmalte extrabrilho.

Fotos de Esmalte Craquelado

Facebook NadaFrágil.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *