NadaFrágil.com.br

Hidratação, Cauterização e Reconstrução Capilar podem Salvar o seu Cabelo


Joyce Carla

As escovas, as chapinhas, as tinturas e até o sol e a poluição danificam os cabelos. Para recuperar os fios, é preciso usar armas poderosas como a hidratação, a cauterização ou a reconstrução capilar. Esses tratamentos têm o objetivo de recuperar os cabelos das agressões externas, mas é preciso conhecer bem o seu tipo de cabelo para não ter o efeito contrário do que você quer e acabar com os fios quebradiços e sem brilho. Por isso é importante procurar um profissional qualificado para cuidar também do seu cabelo.

Veja também nossa matéria sobre a Hidratação com Bepantol.

Hidratação é para todas

idratação, Cauterização e Reconstrução CapilarA hidratação é indicada para todos os tipos de cabelo, até mesmo os que não passaram por tratamentos químicos. Ela devolve a umidade natural dos fios que se perdem por causa da ação do sol, da poeira, do sal do mar, entre outros agentes externos. Com a hidratação, os fios ganham brilho, maciez e movimento, porém ela age apenas na parte externa da fibra capilar. Por isso, em caso de danos severos, de cabelos tingidos ou com muita química, a hidratação não é suficiente, já que ela não consegue atuar na estrutura do cabelo.

Se você vai hidratar o seu cabelo em casa, cuidado na escolha do produto que vai usar. Para obter o melhor resultado da hidratação, você precisa lavar o cabelo com um xampu antirresíduos e massagear muito bem os fios. Divida o cabelo em pequenas mechas e aplique o hidratante a partir do comprimento – não aplique o produto no couro cabeludo para não dar um aspecto engordurado ao cabelo. A massagem deve ser feita deslizando as mãos pelas mechas várias vezes. Isso vai esquentar levemente o produto e potencializar o seu efeito.

Cauterização hidrata de forma profunda

HidrataçãoA cauterização é uma reestruturação capilar que cicatriza as cutículas do cabelo. Ela age de forma mais profunda do que a hidratação e, por isso, é indicada para cabelos extremamente secos, quebradiços, tingidos ou que sofreram com processos químicos como permanentes, relaxamentos e escovas progressivas. A cauterização usa o calor para selar as cutículas. Assim, o produto hidratante penetra nas camadas centrais do fio, e a prancha a vapor impede que ele saia. Alguns cabeleireiros fazem a cauterização a frio, mas o resultado nem sempre é o mesmo.

Os produtos utilizados nesse tratamento repõem a queratina (principal componente do fio), vitaminas e proteínas perdidas. Apesar de parecer uma maravilha, esse tratamento não deve ser feito com frequência, pois a queratina em exagero deixa a fibra do cabelo mais dura e pode ficar quebradiça. O ideal é dar um intervalo de, pelo menos, um mês entre uma cauterização e outra. Outro ponto importante é não deixar o secador ou a chapinha utilizada muito quente para não comprometer a integridade da estrutura dos fios. A cauterização não é um alisamento, mas a hidratação profunda tem ação anti-frizz que deixa os fios mais sedosos e lisos.

Assim como na hidratação, para fazer a cauterização capilar é preciso lavar bem o cabelo com shampoo antirresíduos e hidratá-lo com um creme reconstrutor capilar por, cerca de 20 minutos. Em seguida, o cabelo deve ser lavado novamente e, então, é aplicado um produto à base de queratina. É importante secar o cabelo com um secador e passar a chapinha. Para finalizar, aplique uma máscara de silicone. Os produtos hidratantes devem ser aplicados em uma distância de, no mínimo, dois centímetros do couro cabelo. Se tiver dificuldade, é melhor procurar um profissional para te ajudar ao aplicar a cauterização.

A reconstrução é um tratamento mais intenso

HidrataçãoEsse é o tratamento mais forte e, por isso, é indicado para cabelos que foram danificados de forma mais severa. Além de hidratar, a reconstrução repõe nutrientes e restaura a fibra capilar, com isso, ela elimina a porosidade e acaba com o efeito frizz indesejado. O processo de aplicação é bastante parecido com o da cauterização. A diferença é que tem mais queratina. Depois de agir por cerca de 15 minutos e ser aplicada a prancha, os produtos são retirados com um enxágue e é feita uma escova para secar e selar o cabelo.

Assim como a cauterização, se a reconstrução for feita com muita frequência ou se o enxágue não for feito de forma correta o cabelo tende a ficar com um aspecto pesado. Um profissional qualificado saberá diagnosticar a necessidade de usar esse tratamento e poderá aplicar os produtos com a técnica adequada.

Ingreditente para cada cabelo

hidratação Os especialistas indicam que o mais importante na hidratação é escolher o produto certo para o seu tipo de cabelo. Se você for usar produtos industrializados ou máscaras caseiras, conheça os ingredientes mais indicados para o seu cabelo.

  • Normais: precisam de ceramidas, algas, pantenol, proteínas e derivados de silicone e lanolina;
  • Ressecados: devem receber cremes com óleos e extratos, colágeno, ceramidas, silicone, pantenol, elastina e vitamina E;
  • Tingidos: o hidratante deve ter aminoácidos, ceramidas, lanolina, queratina, aloe-vera e proteínas de soja e trigo;
  • Cacheados: precisam de reforço com ceramidas, calêndula, manteiga de karité e abacate, queratina, silicone e aminoácidos da seda;
  • Oleosos: devem receber hidratantes com algas marinhas, aloe-vera, bétula, hamamélis e ácido salicílico;

Algumas receitas caseiras ajudam a recuperar o brilho e a maciez dos fios sem gastar muito com máscaras semanais. Para os cabelos oleosos, bata meio abacaxi com uma colher (chá) de óleo de soja ou amendoim no liquidificador e depois aplique nas mechas de cabelos já umidecidas. Deixe agir por 20 minutos e enxague. Essa máscara deve ser feita uma vez por semana. Para os cabelos normais, faça a máscara com meio mamão papaya e um copo de água (200 ml) batidos no liquidificador. Basta passar o creme nos fios molhados e deixar por 20 minutos sob o efeito de uma touca térmica ou toalha morna.

hidratação Já os cabelos secos devem receber uma máscara com meio abacate e uma clara de ovo batidos no liquidificador. Aplique a pasta sobre os cabelos molhados e deixe por cerca de 20 minutos agindo nos fios. Use uma touca térmica ou toalha morna para potencializar o efeito. Os fios crespos podem receber uma máscara com uma manga grande e uma clara de ovo batidas no liquidificador. Aplique nos cabelos molhados e deixe agir por 20 minutos. Os cabelos que já receberam química precisam de chá de erva-cidreira bem concentrado. Jogue o chá nos cabelos durante o banho, após passar o xampu. Esse tratamento pode ser usado duas vezes por semana.

Dica para o verão: assim como a pele, o cabelo também precisa receber um protetor solar todos os dias, em especial com a chegada do verão (quando a incidência solar é mais forte). Se usar na praia o na piscina, reaplique o produto sempre que mergulhar ou molhar o cabelo completamente.

 

Facebook NadaFrágil.com.br

Uma resposta para “Hidratação, Cauterização e Reconstrução Capilar podem Salvar o seu Cabelo”

  1. estou com queda de cabelo a dois anos e bos parte do meu cabelo atras caio que tipo de tratamento eu devo fazer para crescer.

Deixe uma resposta