festa de fim de ano em família é uma tradição que perpassa culturas, anos e gerações. É um momento de confraternizarmos com aqueles que amamos, é hora de trocarmos presentes e comermos muita comida boa em uma grande ceia.

Porém, em 2020 isso pode ter mudado um pouco. A magia do natal e o significado da data ainda se mantêm, entretanto, a forma como a comemoração pode acontecer sofreu impactos intensos. A pandemia do novo coronavírus nos trouxe um “novo normal”, que também cabe para esta situação.

Assim sendo, se você tem em mente fazer aquela ceia de natal inesquecível, e a sua comemoração de virada de ano, veja este nosso guia de hoje e entenda como fazer isso da forma mais segura possível. Acompanhe!

Para ler mais tarde: Dicas de máscaras para combinar com seu look

Festa de fim de ano em família: Como fazer de uma forma mais segura?

Na realidade, sabemos que a forma mais segura de lidar com o coronavírus é justamente não se aglomerando, e tampouco entrando em contato com pessoas de fora do nosso convívio familiar.

festa de fim de ano em família
Família brindando em festa de fim de ano. Foto: Freepik

Apenas dessa maneira é que poderemos diminuir significativamente as chances de sofrer com a contaminação do vírus. Porém, sabemos que muitas pessoas estão mais de 10 meses sem ver àqueles que amam, como parentes e amigos e, justamente por isso, desejam viver este momento de confraternização.

Neste caso, além das chamadas de vídeo, existem medidas preventivas que podem ser consideradas na hora de comemorar a festa de fim de ano em família. Veja todas as recomendações e lembre-se que quanto mais afinco você pôr no seguimento destas dicas, menores serão as chances de proliferação do vírus.

Veja também: Mesa posta: 7 itens para montar a sua

Não reunir núcleos familiares diferentes é uma forma coesa de lidar com o momento

Como mencionamos acima, a aglomeração pode ser uma verdadeira “porta aberta” para o vírus. Afinal, diferentes núcleos familiares estarão trazendo, de fora, o contato que tiveram com outras pessoas em seus convívios cotidianos (como idas ao mercado, trabalho, enfim).

Por isso, a recomendação número um é que você não se reúna com núcleos familiares que não morem com você. Assim, as chances de proliferação do vírus diminuem expressivamente.

Porém, há aqueles que ainda desejam fazer a festa de fim de ano em família considerando quem mora longe. Nestes casos, o cuidado precisa ser redobrado, triplicado, quadruplicado! E ainda, é importante estar ciente que neste caso não existe proteção 100% segura contra o coronavírus, a mais segura é, justamente, não se aglomerar.

festa de fim de ano em família
Familiares reunidos em festa de fim de ano em família. Foto: Freepik

Em contrapartida, existem medidas essenciais para que você se proteja o máximo possível. Pratique este cuidado e incentive todos à sua volta para que façam o mesmo.

Veja mais: Coronavírus X Salão de beleza: é seguro frequentar?

Festa de fim de ano em família: Caso haja reunião, siga recomendações de quantidade de pessoas e distanciamento

Se você optar por unir núcleos familiares diferentes, observe as nossas recomendações abaixo, baseadas no que os órgãos de saúde trazem como alternativas pertinentes para este momento:

  • Não beije ou abrace: Procure não ter muito contato físico com as pessoas. Sabemos que pode ser complicada esta situação, mas é muito importante que você tome esta atitude para evitar o contágio da doença. Lembre-se que é possível demonstrar o afeto de outras maneiras, como conversando, escrevendo um cartão, enfim. Não demonstrar, no toque físico, o amor e o carinho, é antes de qualquer coisa uma verdadeira prova de amor! Pense nisso e considere este fato.
  • Evite brindar: Na hora que vamos brindar, as taças entram em contato umas com as outras, e isso pode ocasionar a proliferação do vírus de uma maneira acelerada. Portanto, o gesto do brindar pode até acontecer, desde que um copo não toque o outro.

Leia mais: Festas de fim de ano: Dicas e inspirações de looks

  • Sirva-se usando máscara: Quando for se servir, utilize máscara. Isso evitará que as partículas que saem da respiração pairem sobre os alimentos. Lembre-se de reforçar este cuidado com todas as pessoas. Além disso, lave bem as mãos antes de tocar nos utensílios, e use álcool em gel para higienizá-los (como o utensílio da salada), antes que outra pessoa toque no mesmo.
  • Utilize utensílios próprios e não compartilhe: É imprescindível que os utensílios e talheres que você utilizar não sejam compartilhados com ninguém. Assim, você garante que apenas você entra em contato com àquela superfície específica. Mas, de qualquer forma, lembre-se de sempre higienizar também as suas mãos, ok?
  • Mantenha a mesa de comida coberta: Para garantir que as gotículas salivares não se espalhem sobre a mesa e sobre os pratos preparados, mantenha sempre a comida bem coberta e protegida. Isso garantirá um menor contato do ar com os alimentos, diminuindo, mesmo que de forma sutil, as chances de contaminação.
festa de fim de ano em família
Família fazendo troca de presentes em festa. Foto: Freepik
  • Mantenha o distanciamento social: Sabemos que a mesa posta é linda e a festa de fim de ano em família é sinônimo de estar ao redor da mesa contando boas histórias durante a ceia. Entretanto, em 2020 precisamos ter consciência de que este processo será diferente. Para isso, é importante que o distanciamento social seja mantido. Você pode fazer isso espaçando as cadeiras em torno da mesa, ou simplesmente alimentando-se em partes atípicas da casa. Enquanto poucos ficam na mesa, outros ficam na sala, outros na área de festa, e assim por diante. O importante é ter pelo menos um metro e meio de distância entre as pessoas, especialmente neste período sem máscara.
  • Não ultrapasse a quantidade de pessoas recomendadas: Os órgãos de saúde recomendam que haja, no máximo seis pessoas por festa. Assim você evita que o espaço tenha uma grande aglomeração, ocasionando a disseminação indiscriminada do vírus.
  • Não utilize som alto nos ambientes: Quando ouvimos música muito alto, especialmente na festa de fim de ano em família, sabemos que as conversas altas acontecerão. Afinal, para ouvir o que o outro está falando, e para sermos ouvidos, é preciso falar mais alto, correto? E essa atitude pode fazer com que mais partículas salivares saiam de nossa boca, aumentando as chances de contaminação. Portanto, a dica para este caso é: música ambiente está mais do que bom!

Veja mais: Comece bem com essas resoluções de Ano Novo

Festa de fim de ano em família: Atente-se para o local em que a festa de fim de ano em família acontecerá

O local em que a festa de fim de ano acontece precisa ser diferente em 2020. Mas diferente como? Se antes você costumava reunir a sua família em sua sala de jantar, este ano é necessário que o ambiente seja o mais ventilado possível.

Se você tiver uma varanda ou área externa, melhor ainda! Quanto maior for a circulação de ar no espaço, menores serão as chances de o vírus se manter muito tempo no ambiente. Por isso, opte por festas mais fresquinhas, ao ar livre de preferência, e caso não seja possível, aposte em janelas e portas bem abertas, além de investir em bons ventiladores.

festa de fim de ano em família
Pai e mãe beijando bebê em festa de fim de ano em família. Foto: Freepik

Leia mais: O que você deve evitar nas redes sociais durante o fim de ano

Festa de fim de ano em família: Quarentena 15 dias antes pode ajudar

Outra forma de minimizar as contaminações na festa de fim de ano em família é fazendo a quarentena de 15 dias antes das festividades. Assim, todos que estarão no momento de confraternização, passarão por um período em casa, a fim de verificar três pontos:

  • Se o vírus se manifestará, caso tenham sido contaminados.
  • Se não haverá manifestação.
  • Garantir que mesmo no caso de contaminação assintomática, o período de contaminação passe.

Entretanto, sabemos que este tipo de atitude pode ser um pouco difícil, mas vale muito a pena se você quiser proteger os seus familiares, especialmente se há grupo de risco.

Veja mais: Vacinação de adultos: sua carteirinha está em dia?

festa de fim de ano em família
Família confraternizando em uma festa de fim de ano. Foto: Freepik

Festa de fim de ano em família: Mantenha o grupo de risco em um ambiente mais ventilado e tenha mais cuidado

O grupo de risco, sem dúvidas, necessita de atenção dobrada na festa de fim de ano em família. Isso porque, obviamente, são mais vulneráveis que as demais pessoas da família.

Assim sendo, é de suma importância que o distanciamento social seja ainda mais respeitado neste caso. Além disso, a convivência deve acontecer no ambiente mais ventilado possível.

Vale lembrarmos ainda que os cuidados com as crianças também devem ser considerados. Isso porque, costumeiramente, as crianças tendem a se atentar menos para os cuidados e as restrições. Por isso, fique atento! Se um neto beijar muito um avô, poderá estar levando até ele o vírus.

Lembre-se ainda que as crianças costumam ser assintomáticas, e  por isso necessita de cuidados ainda maiores. Mantenha o grupo de risco protegido e isolado, garantindo ao mesmo tempo conforto e atenção.

Veja mais: Blusas para Festas – Modelos e Fotos

festa de fim de ano em família
Avó, mãe e filha trocando presentes de natal. Foto: Freepik

Festa de fim de ano em família: Cuidado com o consumo de bebida alcoólica

Sabemos que a festa de fim de ano em família é uma verdadeira comemoração. Entretanto, a bebida alcoólica precisa ser evitada o máximo possível, mesmo que isso seja difícil.

Afinal, quando as pessoas bebem e se alteram um pouco, acabam ficando mais relaxadas e descontraídas. E isso pode acarretar em uma menor atenção para com os cuidados referentes à pandemia.

Por isso, evite exagerar na bebida! E opte por bebidas mais naturais, e até mesmo refrigerantes, para deixar a festa bem refrescante e saborosa ao mesmo tempo.

Leia também: Como combinar o sapato com o vestido de festa?

Festa de fim de ano em família: Faça reunião EM CASA, e não em restaurante

Por fim, uma das dicas mais importantes para a festa de fim de ano em família no meio de uma pandemia: comemore em casa. Muitas pessoas, erroneamente, acreditam que a comemoração em um restaurante pode ser melhor e menos perigosa, o que não é verdade.

festa de fim de ano em família
Família feliz tirando selfie durante confraternização. Foto: Freepik

Sendo assim, procure fazer na casa de um dos familiares, de preferência em alguém que tenha algum espaço grande e arejado para que todas as pessoas fiquem à vontade e sem a estarem expostas a um ambiente fechado.

Lembre-se também de preparar todo o ambiente com uma higienização completa, que deve acontecer antes, em pequenas proporções durante e de maneira intensa no final da festa.

Seguindo estas dicas você certamente garantirá mais conforto e proteção para toda a sua família. Cuide-se e conscientize as pessoas que você ama!

Leia também:

Separei mais esses conteúdos para você:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui