Conheça a importância da atividade física na terceira idade!

Todas as pessoas precisam praticar algum tipo de atividade física para viverem bem e com saúde. Isso todo mundo já sabe. Até mesmo as crianças precisam brincar e correr, não apenas para que o corpo se desenvolva bem, mas também a mente e o convívio social.

O problema é que ao chegar à terceira idade, muitos se acham “velhos demais” para praticar uma atividade física, e resumem sua rotina a uma cadeira de balanço ou um sofá em frente à televisão. Mas essa não é uma boa escolha.

A prática de exercícios físicos traz inúmeros benefícios nesta fase, e eles não se limitam apenas aos músculos e ossos, mas principalmente ao cérebro. Vejamos alguns deles!

Benefícios físicos de atividade física na terceira idade

idosos fazendo exercício
Idosos fazendo exercício – Foto: Freepik

Eliminação de gordura: À medida que os anos vão passando, fica mais difícil eliminar as gorduras do corpo, por isso a prática de atividades físicas regulares é fundamental para a manutenção do peso. Além disso, os exercícios ainda auxiliam na prevenção ou retardamento de doenças como a diabetes.

Fortalecimento dos músculos: É comum encontrarmos pessoas com idade acima dos 70 anos que sentem dificuldades para andar, e de vez em quando sofrem quedas no banheiro, nas escadas ou mesmo na rua. Isso acontece porque os músculos, que dão sustentação ao corpo, vão ficando fracos. As pessoas que praticam exercícios físicos possuem melhor postura, evitam dores nas pernas e costas, e vivem de maneira mais independente, já que seus músculos estão sempre sendo trabalhados e fortalecidos.

idosos fazendo yoga
idosos fazendo yoga * Foto: Freepik

Prevenção de osteoporose: Atingindo principalmente as mulheres, a osteoporose é uma doença que causa a perda de massa óssea (minerais como o cálcio), resultando em fraturas e dores no corpo. As atividade física na terceira idade fortalecem os músculos e ossos, e podem até de repor a massa óssea perdida.

  Ser multitarefa é bom ou ruim?

Controle de doenças: Algumas doenças podem ser controladas com a prática de exercícios, entre elas, diabetes, artrite, colesterol alto, doenças respiratórias e cardiovasculares.

Benefícios mentais da atividade física na terceira idade

idosa fazendo exercício
idosa fazendo exercício – Foto: Freepik

Causa bem-estar: A endorfina, uma substância produzida pelo cérebro que causa a sensação de bem estar, é liberada quando a pessoa está praticando uma atividade física. Ela surge durante determinado momento da atividade e seu efeito dura por horas após o término do exercício, reduzido o estresse e aliviando as tensões e ansiedades do dia a dia.

Diminui a depressão: Até nos casos mais leves de depressão, a doença pode ser reduzida significativamente com a prática de exercícios, pois como mencionamos acima, a liberação de endorfina causa a sensação de bem-estar.

Melhora o sono e a memória: Quando o corpo é bem cuidado, a mente também é beneficiada. Mais do que as atividades de raciocínio como palavras cruzadas e dominó, as atividades físicas são as principais aliadas no cuidado com a memória. Além disso, elas melhoram a qualidade do sono.

Previne ou retarda a demência: Segundo um estudo feito pela Universidade de Edimburgo, na Escócia, a atividade física pode prevenir o encolhimento do cérebro. É comprovado pela ciência que com o passar dos anos, o cérebro vai se deteriorando, comprometendo assim a sua funcionalidade. Por isso, para evitar doenças resultantes dessa degradação, é essencial que as pessoas da terceira idade pratiquem atividades físicas regularmente.

fonte da juventude
Casal de idosos dançando. Foto: Freepik

Tipos de atividades

Muitas academias e centros voltados para o público da terceira idade oferecem opções variadas para elas. Entre os tipos de atividades, podemos citar as mais procuradas:

Caminhada – Como a atividade é mais leve, o risco de lesões é menor. Ela melhora bastante a circulação sanguínea e auxilia também na perda de peso.

  TDAH: como lidar com esse problema?

Dança – Para todos os ritmos, e para homens e mulheres. A dança, além de trabalhar todo o corpo, pode ser uma alternativa mais prazerosa para quem não gosta de nenhuma atividade convencional. Ela torna o momento divertido e ainda soma pontos positivos no quesito convivência social.

Hidroginástica – Uma das atividades mais procuradas pelas pessoas da terceira idade é a hidroginástica, pois praticamente não causa impacto nas articulações. Ela trabalha todo o corpo e é excelente para melhorar a respiração, além, é claro, de oferecer o imenso prazer de relaxar dentro de uma piscina.

Atenção! É fundamental que qualquer pessoa, principalmente na terceira idade, consulte um médico e faça todos os exames necessários antes de dar início a qualquer tipo de atividade física.

Separei mais esses conteúdos para você:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui