Grávida com dor no pé da barriga pode ser, na maior parte dos casos, um reflexo normal do organismo feminino. Afinal, quando uma mulher engravida, o seu corpo passa a se transformar e mudar para poder acomodar o futuro bebê. Assim, estes “movimentos” e mudanças podem ocasionar desconfortos e dores no pé da barriga.

Por isso, nas primeiras semanas de gestação é muito comum que a mulher acabe sentindo este desconforto. Porém, é preciso se atentar para não se deixar levar e esquecer-se de prestar atenção em outros sintomas. Pois, por exemplo, se houver corrimento, dores de cabeça e outros sintomas, é preciso buscar auxílio médico.

De qualquer forma, a dor no pé da barriga é normal, mas pode representar algo se aparecer em conjunto com outros sintomas. Abaixo explanamos estes sintomas.

Para ler mais tarde: Azia na gravidez: 8 dicas de como aliviar

Grávida com dor no pé da barriga
Mulher grávida parada em frente à janela. Foto: Freepik

Grávida com dor no pé da barriga é normal?

Na maior parte dos casos, a grávida com dor no pé da barriga pode estar apenas demonstrando um sinal de que o seu corpo pode estar se preparando para o desenvolvimento do bebê. Por isso, a dor é super normal e aceitável, e tende a diminuir sozinha até que se passem alguns dias do desenvolvimento do organismo.

Entretanto, se a dor for muito intensa e persistente, somando-a com outros sintomas, como a expulsão de líquidos pela vagina e outros sinais, é preciso ficar atenta. O corpo pode sim sentir dores pelas mudanças, mas se a dor insiste em permanecer, pode ser que o organismo não esteja se adaptando adequadamente a gestação.

Grávida com dor no pé da barriga
Mulher sentada na cama com aspecto de desconforto e as mãos sobre a barriga. Foto: Freepik

Veja também: Gravidez Indesejada – O Que Fazer?

Grávida com dor no pé da barriga: Quais podem ser as causas da dor?

Se por acaso houver outros sintomas, ou se a dor permanecer por longos períodos e de forma intensa, é preciso se atentar as possíveis causas. Assim, a grávida com dor no pé da barriga poderá estar diante dos seguintes fatores:

Grávida com dor no pé da barriga: Início da gravidez

Como já mencionamos algumas vezes no decorrer deste texto, a grávida com dor no pé da barriga pode, simplesmente, estar preparando o seu organismo para cuidar do bebê. Assim, o útero passa por transformações que podem causar dor, até que o bebê esteja acomodado.

Você poderá se interessar por: Teste de gravidez é totalmente preciso?

Grávida com dor no pé da barriga
Mulher grávida sentada acariciando a barriga. Foto: Freepik

Grávida com dor no pé da barriga: Contrações

Durante a gestação, a mulher pode se deparar com o que chamamos de “contrações de treinamento”. Ou seja, é como se o corpo da mulher estivesse se preparando para um possível parto normal.

Entretanto, estas contrações costumam durar menos de 1 minuto, além de que a mudança de posição poderá ser uma boa forma de diminuir o desconforto. Em poucos instantes a mulher já não sente mais dores.

Porém, é sempre importante mencionarmos questões importantes, como:

  • Se a dor for persistente e volta e meia aparecer, fique alerta;
  • Se a mulher tiver outros sintomas, juntamente com as contrações, é preciso buscar auxílio médico para descartar qualquer efeito negativo.
Grávida com dor no pé da barriga
Mulher grávida sentada com as mãos nas costas demonstrando desconforto. Foto: Freepik

Leia mais: Principais sintomas da gravidez

Grávida com dor no pé da barriga: Aborto espontâneo

O aborto espontâneo está muito relacionado com as dores que a mulher pode sentir durante o primeiro trimestre da gravidez. Aqui, é possível ficar diante de uma dor intensa no pé da barriga, além de se deparar com outros sintomas, como:

  • Febre;
  • Perda de líquidos pela vagina;
  • Sangramentos; e
  • Dor de cabeça constante.

Todos estes sintomas poderão estar sinalizando um aborto espontâneo, e é de suma importância que a mulher busque auxílio médico o mais rápido possível.

Grávida com dor no pé da barriga
Mulher grávida sentada demonstrando desconfortos por conta da dor. Foto: Freepik

Veja também: Gravidez e diabetes: como lidar com a situação?

Grávida com dor no pé da barriga: Gravidez ectópica

Este tipo de gravidez está associado com a implementação do embrião no lado de fora do útero da mulher. Neste caso, será requerido, pelo médico, que a gravidez seja interrompida, uma vez que pode representar sérios riscos para a vida da mãe.

Pode ser que a mãe passe por uma cirurgia para que seja feita a retirada do embrião e a reconstrução da trompa da mulher.

Os sintomas da gravidez ectópica, além da gravida com dor no pé da barriga, pode ser:

  • Dor de cabeça;
  • Perda de líquidos pela vagina;
  • Sangramento;
  • Dores intensas e persistentes.

Leia mais: Tire suas dúvidas sobre exercícios físicos durante a gravidez

Grávida com dor no pé da barriga
Mulher grávida bebendo água e com dor na barriga. Foto: Freepik

Grávida com dor no pé da barriga precisa ir ao médico?

Depende do caso. Como já mencionamos, se as dores no pé da barriga surgirem nas primeiras semanas de gestação, pode ser vista como algo normal e natural. Porém, tudo depende da intensidade da dor e dos efeitos que isso pode causar no dia a dia da mulher.

Se as dores forem muito intensas e persistentes, pode ser que a mulher necessite de uma intervenção médica. Além disso, se houver outros sintomas que acompanham as dores, é preciso ficar ainda mais alerta.

Isso porque a dor no pé da barriga pode estar sinalizando algum desequilíbrio sério no desenvolvimento da gestação. Mas, não se alarde! E sim, pense racionalmente sobre os sintomas e observe o período de gestação e tudo que você vem sentindo.

Porém, se ainda se sentir insegura, busque auxílio médico para descartar qualquer tipo de desequilíbrio, e assim, seguir tranquilamente a sua gestação.

Leia também:

Separei mais esses conteúdos para você:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui