mindfulness é uma prática que visa promover mais qualidade de vida e bem-estar para todas as pessoas. E quando praticada por mulheres acima de 40 anos, pode ser ainda mais proveitosa em alguns aspectos.

Quer saber mais sobre essa prática que tem transformado a vida de muita gente? Então acompanhe este conteúdo até o fim e saiba mais!

Depois, dê uma visitada neste conteúdo: Saúde mental e trabalho remoto: Como manter o bem-estar trabalhando em casa

mindfulness
Vetor de saúde mental. Foto: Freepik

O que é mindfulness?

Mas, o que é esse tal mindfulness? Basicamente, é uma técnica que visa trazer a atenção para o presente. Isso mesmo, simples assim.

Você pode usar a técnica mindfulness nos mais diversos contextos da sua vida, como por exemplo:

  • No trabalho;
  • Nas relações pessoais;
  • Na família;
  • Nos estudos;
  • Nos hobbies;
  • Em momentos de descanso;
  • E assim por diante.

Pois pare e pense… Quantas vezes estamos agindo no piloto automático, durante o dia a dia em nossas vidas? E quantas vezes, por conta disso, deixamos de aproveitar melhor o que há de disponível diante de nós? Pois é!

Por isso que a prática de mindfulness é tão interessante, inclusive para mulheres acima dos 40 anos, que possuem uma vida corrida, muitos compromissos e uma casa para cuidar.

Quem pode praticar mindfulness?

Qualquer pessoa que queria aumentar a sua própria qualidade de vida. Afinal, a prática é simples e pode promover benefícios para qualquer pessoa, de qualquer idade. Isso porque o intuito é promover a atenção plena e o foco no presente, que é extremamente importante em qualquer momento e fase de nossas vidas, não é mesmo?

Leia mais: Saúde bucal: 5 cuidados para garantir sua saúde bucal

Por que praticar mindfulness?

Se fôssemos pensar nos motivos pelos quais podemos e devemos praticar mindfulness, poderíamos listar uma série de vantagens de curto, médio e longo prazo. Mas, se fôssemos resumir este porquê, poderíamos dizer que o mindfulness traz mais felicidade, bem-estar, saúde física e mental, e plenitude. Isso mesmo.

mindfulness
Vetor representando saúde mental equilibrada. Foto: Freepik

Essa prática, por mais simples que possa ser, promove uma série de vantagens para nós. Sentimos os efeitos na nossa vida pessoal, profissional e amorosa. Além disso, nosso organismo também sente os benefícios. Afinal, diminuímos o estresse, a ansiedade e passamos a dar mais importância para o momento que fazemos as nossas refeições, por exemplo.

Viu só como mindfulness é interessante? Mas se você ainda não conseguiu visualizar a dimensão da prática, acompanhe a lista que trouxemos a seguir. 😉

Quais os benefícios do mindfulness para mulheres acima de 40 anos?

Acima, já pudemos dar uma pincelada do motivo pelo qual o mindfulness pode ser tão promissor para qualquer pessoa. Agora, vamos explorar um pouco mais esses benefícios, com um foco voltado para você, mulher acima de 40 anos. Veja:

1- Diminui a ansiedade e traz a atenção para o presente

A ansiedade, de uma forma ou de outra, pode ser um sofrimento referente ao futuro. Ou seja, é um sofrimento normalmente baseado em certa antecipação. Isso faz com que o nosso presente fique um pouco, digamos, “nublado” em nossa mente, não nos permitindo absorver o que há de melhor no aqui e no agora.

Com o mindfulness esse tipo de situação pode ser contornada. Como trazemos a atenção para o nosso corpo e para o momento de agora, tendemos a nos sentir mais focados com as mais simples atividades do dia a dia. E isso minimiza os pensamentos invasivos que provocam a ansiedade e atrapalham a apreciação do presente.

Leia também: Como ser uma mulher forte emocionalmente? 8 dicas!

mindfulness
Vetor de cuidados com a saúde mental. Foto: Freepik

2- Pode prevenir problemas emocionais e de saúde mental

Pensar demasiadamente nos erros do passado, ou temer os possíveis erros do futuro pode custar caro. Nossa saúde mental pode ser impactada por isso. Além disso, ficar “remoendo” problemas e pensamentos repetitivos pode desencadear problemas emocionais.

Em contrapartida a esses cenários, a prática de mindfulness pode lhe ajudar a melhorar a sua saúde mental como um todo. Pois como mencionamos anteriormente, você foca no agora, e não fica divagando em coisas ruins do passado ou antecipações de “possíveis” problemas do futuro – que nem sempre são tão possíveis assim.

3- Aumenta a satisfação com a vida de forma geral

Estar mais presente nos momentos felizes é uma forma de sentir mais satisfação com a vida. Pois pare e pense: quantas vezes você sentiu que deveria ter aproveitado melhor uma fase da sua vida? Pois bem! Isso é muito comum quando deixamos que o piloto automático tome conta da nossa vida, ao invés de nos atentarmos a cada detalhe do aqui e agora.

4- Impede que haja uma sobrecarga mental

Novamente batemos na tecla de que ficar pensando só no futuro, no passado ou em algo ruim de maneira repetitiva pode ser prejudicial. A nossa mente pode acabar ficando sobrecarregada, causando problemas emocionais de maneira geral.

Com o mindfulness esse tipo de situação pode ser evitada de maneira efetiva, viabilizando muito mais qualidade de vida e uma mente mais leve e feliz.

mindfulness
Mulher bebendo café de olhos fechados enquanto descansa. Foto: Freepik

Veja também: Restaurando a autoestima – 8 dicas para a autoestima

5- Descansa o corpo e a mente

Descansar o corpo e a mente é fundamental para uma vida com mais energia e bem-estar. E quando pensamos em mindfulness, isso pode ser alcançado.

Pois quantas vezes nos sentimos sobrecarregados com problemas, dificuldades e receios que, consequentemente, sentimos nosso corpo cansado também?

Com a prática de meditar e trazer a atenção plena para o presente, a nossa mente tende a ficar mais leve e menos sobrecarregada, como já mencionamos anteriormente.

E essa mente mais “limpa” é responsável por diminuir tensões em nosso corpo e até mesmo ameniza a psicossomatização (que é quando uma questão emocional aparece no corpo, em forma de dor ou desconforto, como uma dor de cabeça causada por estresse).

6- Faz com que o presente seja vivido de forma mais intensa

Viver o presente de uma forma mais intensa pode promover uma vida muito mais feliz e, de certo modo, “vivida”. Pois como já mencionamos no decorrer do texto, o piloto automático atrapalha as nossas experiências, e quando nos permitimos viver o hoje, isso tende a ser minimizado e passamos a viver mais – praticamente.

mindfulness
Meditando. Foto: Freepik

7- Melhora a concentração e o foco

O foco e a concentração também podem ser trabalhados por meio do mindfulness. Isso porque você começa a aprimorar a sua habilidade de ter a atenção no presente, desencadeando muito mais energia mental para as atividades feitas no agora.

Afinal, não é difícil nos darmos conta de que estamos viajando em nossos pensamentos em um momento em que deveríamos focar no agora, concorda? Por isso, praticar o mindfulness pode ser uma excelente maneira de melhorar a sua concentração. Faça o teste.

Leia mais: 3 passos para ter mais autoconfiança

Como começar a praticar mindfulness?

Agora que você já pôde acessar uma série de informações sobre o mindfulness, deve estar se perguntando: mas como começar a praticar? Por onde iniciar? Veja algumas dicas que podem lhe ajudar:

  • Comece quando você se sentir à vontade para isso. Pode ser agora mesmo!
  • Apenas traga a sua atenção para o presente. Foque na sua respiração, nas partes do seu corpo que você nem sente que existem ao longo do dia, etc.
  • Tente sentir a temperatura do ambiente em que você está. Sinta os cheiros, as texturas das coisas em sua volta, etc. Observe a decoração e a organização dos materiais.
  • Analise tudo que você vê, com muito detalhismo. Evite que outros pensamentos invadam a sua mente, e caso isso aconteça, não desista!
mindfulness
Mulher meditando no trabalho. Foto: Freepik
  • Pratique um alongamento ou faça yoga enquanto foca no presente. Tente deixar de lado qualquer outro tipo de pensamento e sinta o seu corpo ficando mais leve com o mindfulness.
  • Coloque uma música relaxante e apenas se atente à melodia dela. Isso também pode ajudar a começar a prática.
  • No dia a dia, foque em aproveitar o momento vivido no presente. Se estiver cozinhando, observe os alimentos, sinta os cheiros, prove os sabores. Se estiver caminhando na rua, observe o céu, o chão, o rosto de outras pessoas, os passarinhos cantando, etc. Quanto mais você observar o ambiente em que está, mais focado no presente você estará.

Viu só como não há nenhum segredo para começar a praticar o mindfulness? E o mais legal é que ele pode ser praticado em qualquer âmbito de nossas vidas, a qualquer momento!

Quanto mais focarmos no presente, em todas as circunstâncias vividas, mais felizes poderemos ser, pois estaremos nos entregando melhor aos momentos. E isso constrói situações e lembranças mais vivas e intensas em nossa mente.

Experimente a prática de mindfulness e dê esse passo em prol da sua saúde mental. Um feliz presente para você!

Veja agora estes conteúdos:

Separei mais esses conteúdos para você:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui