NadaFrágil.com.br

Piercing no Tragus da Orelha: Cuidados e Modelos


Leticia Moraes

O piercing é uma pratica para perfurar parte do corpo, com fins estéticos ou culturas tão antiga quanto a civilização, existindo há mais de 5000 anos. O piercing no tragus na orelha é um dos mais populares e, em geral, é um procedimento simples. Entre os tipos de perfurações na orelha, está o percing no Tragus, usado por famosos como Rihanna e Scarlett Johansson – uma das celebridades que primeiro desfilou com um desses no tapete vermelho.

Piercing no Tragus da Orelha: Cuidados e Modelos

O tragus é a uma aba de cartilagem do ouvido localizada em frente ao canal auditivo, ficando, portanto, mais próxima do rosto. A perfuração nesse local costuma ser uma das mais dolorosas devido à espessura da cartilagem na área, levando até 18 semanas para cicatrizar. Como opção, alguns preferem fazer a perfuração para colocação do piercing em uma superfície imediatamente na frente do canal auditivo.

A dor é tema relativo e realmente alguma dor e desconforto podem ser suportáveis para muitas pessoas, outros acham muito difícil de lidar. Tudo dependerá do limite de uma pessoa para suportar a dor. Também alguns tipos de jóias colocadas no lugar perfurado podem causar dor desnecessária e desconforto ou contribuir para tolerá-la. Os piercings do tipo redondos como um anel pressionando a cartilagem pode ser um pouco mais dolorido do que aqueles com pino de sustentação (belly ring).

Piercing no Tragus da Orelha: Cuidados e Modelos

Para qualquer um destes casos, deve-se usar peças de 1,6 mm até que a perfuração esteja cicatrizada. Se a jóia usada for muito pequena podem ocorrer abscessos e cicatrizes queloideanas. Também é importante não retirar a peça até que o local esteja completamente recuperado.

Cicatrização do Piercing

Quem tem um piercing no tragus feito recentemente não deve se expor a prolongados banhos de piscina ou banheiras de hidromassagem, durante os primeiros dois meses. A exposição ao sol também é prejudicial, uma vez que os raios ultravioletas (UV) não são benéficos para a desinfecção da pele perfurada e não favorecem a cura.

Piercing no Tragus da Orelha: Cuidados e Modelos

As jóias devem ser cuidadosamente limpas durante o período de cicatrização, com as mãos sempre lavadas com sabão neutro antes de tocá-la. Dependendo do local de localização do piercing, o processo de cicatrização demora entre dez a 18 semanas.

Decisões a tomar antes

Fazer um piercing não se trata somente da decisão de que deseja expor uma joia incrustada em uma parte especifica do seu corpo. É preciso também comprometimento com sua saúde, procurando serviços especializados (estúdios de body art e profissionais regulamentados) para evitar riscos de transtornos e ainda é preciso estudar, com orientação desse profissional e até mesmo de algum profissional de auriculoterapia (uma especialidade da acupuntura) a parte do seu corpo que você quer que seu piercing seja colocado, antes de furar.

Piercing no Tragus da Orelha: Cuidados e Modelos

Não há nada mais frustrante do que terminar perfurando um piercing torto ou que não esteja no lugar que você desejou.
E mais grave é se uma perfuração mal feita no ponto escolhido, como o tragus, por exemplo, vier a afetar sua suade em geral, já que a auriculoterapia entende a orelha como um mapa do corpo.
Segundo essa medicina, o tragus é o ponto da orelha que está relacionado à faringe, laringe, nariz externo e interno, glândula suprarrenal, sede e fome.

Riscos e Alerta do piercing no tragus

O piercing de tragus, tal qual as outras modalidades de piercing de orelha ou em outras partes do corpo, deve ser realizado por profissionais autorizados, locais higienizados, de acordo com as exigências da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) e deve-se ainda tomar cuidados e estar alerta para possíveis riscos que podem ocorrer com alergias sangramentos e quelóides ou infecção.

Piercing no Tragus da Orelha: Cuidados e Modelos

Em alguns casos, uma infecção pode desencadear outras doenças podem ser até mesmo na forma de paralisia, como a síndrome de Guillain-Barre uma doença autoimune rara que afeta o sistema nervoso periférico. Ela geralmente é desencadeada por uma infecção grave e causa paralisia rápida, parcial ou total, começando com uma perda de sensibilidade nos pés (dormência) para afetar os membros, face e tendões.

Embora seja difícil vincular o ato de furar as orelhas com algumas doenças, os médicos recomendam evitar qualquer tipo de infecção, pois ela pode levar à doenças graves. Esta infecção é um risco e algumas vezes aparecem mesmo quando os procedimentos sejam realizados com equipamentos esterilizados.

Piercing no Tragus da Orelha: Cuidados e Modelos

Para uma perfuração da orelha segura, é preciso conhecer também a própria saúde e as possibilidades de riscos para ela. Por exemplo, se uma pessoa sofre de diabetes, pressão arterial alta, algumas inflamações da pele que podem agravar-se.

Em casos de infecção, é preciso recorrer imediatamente a um consultório médico ou hospital especializado para receber antibióticos apropriados.

E para evitar qualquer infecção durante o processo de cicatrização, que pode durar de duas a seis semanas, é preciso rigorosidade e regularidade na limpeza do ouvido e área circunvizinha. Certifique-se de a área está livre de resíduos de xampu, loção ou condicionador, perfume ou outra sujeira qualquer.

Outras Dicas Importantes sobre piercing no tragus

Mantenha o piercing no tragus por pelo menos nove semanas antes de mudar. Depois disso, você pode mudá-lo, mas certifique-se que haja sempre um brinco no orifício por cinco meses em média.

Você terá alguns incômodos para dormir. Certifique-se de que você está usando um travesseiro que não tenha fibras e partes soltas, para evitar que se prendam ao brinco.

Piercing no Tragus da Orelha: Cuidados e Modelos

Limpe-o todos os dias com uma solução de água salgada até que esteja totalmente curado (aproximadamente 18 semanas). Não use álcool.

Se isso acontecer infecção, não retire o piercing e procure serviço medico urgente. Se retirar o piercing, irá selar a infecção dentro do tragus da orelha, o que pode causar mais problemas.

Mantenha seu cabelo longe do brinco. Ele pode ficar preso entre a orelha e o brinco e causar dor ao ser retirado.

A rotação do piercing ajuda bastante na curar. Faça esse movimento sempre que limpar seu piercing.

E por último e muito importante: ir a um profissional é a maior garantia de poder desfrutar da atração visual de um piercing tragus bem feito.

Fotos e Modelos de Piercing no Tragus da Orelha:

Piercing no Tragus

Piercing no Tragus

Piercing no Tragus

Piercing no Tragus

Piercing no Tragus

Piercing no Tragus

Facebook NadaFrágil.com.br

77 respostas para “Piercing no Tragus da Orelha: Cuidados e Modelos”

  1. DEBORA DOS SANTOS VIEIRA disse:

    O furo no tragus necessita de cuidados dobrados por ser uma área com alto risco de infecção e má cicatrização, oque causa a tão indesejável queloide. Mesmo sabendo disse optei por furar pq eu tinha uma vontade imensa de por o piercing. No inicio tive algumas complicações, não cicatrizou totalmente ficava sempre sensível e doloroso. consultei meu médico ele me receitou a pomada diprogenta, comecei a usar dentro de poucos dias cicatrizou totalmente e estou super feliz. na hora de furar é bem doloroso sim e bem desconfortante. porém, na minha opinião isso foi o de menos até pq no meu caso, a vontade de furar era bem maior do que a dor causada no momento.

    • Taisa disse:

      Olá Débora, Queria saber como usar essa pomada diprogenta, o meu tragus esta na mesma situação que o seu, então resolvi comprar. Como uso ? Essa é minha última esperança

    • Thiago disse:

      Olá Debora, coloquei a dois meses atrás um piercing tipo ferradura de 1.2mm no lóbulo, e mesmo com os cuidados adequados ele parece não ter cicatrizado totalmente, é normal?

  2. Joyce Lourdes disse:

    coloquei meu tragu há 15 dias e só ha 5 dias começou a inflamar tirando pus,cheguei a ficar com febris e dores muito fortes na região da orelha e esta manhã por causa do excesso de pus o brinquinho acabou saindo. Adúvida é depois de quanto tempo posso voltar a furar a orelha no tragus da mesma orelha.bjs Joy

  3. Joyce Lourdes disse:

    aguardo a vossa ajuda

  4. Pode sim, não sou a destinatária mas sou muito fã de pircing, já furei na língua, na orelha e no lábio depois de infecionar (depois de sarar), mas tem que ter muito cuidado pois è desastroso quando há infecções. disse:

    Pode sim, não sou a destinatária, não sou a destinatária da pergunta mas sou muito fã de pircing, já furei na língua, na orelha e no lábio depois de infecionar (depois de sarar), mas tem que ter muito cuidado ou pode te trazer problemas graves.

  5. Francielle renee disse:

    Eu furei o meu tragus a uns 3 meses e eu sou simplesmente apaixonada por ele. fiquei quase um mês tendo um cuidado redobrado e limpando todos os dias com álcool 70 e passando uma pomadinha pra não dar queloide. troquei a minha joia depois de 2 semanas, a minha cicatrização posso dizer que foi simples, inflamou mas não foi aquela coisa horrosa(pus, inchaço, sangue, queloide)…. eu tive cuidado antes e depois da cicatrização e agr ele ta uma gracinha. acho lindo um piercing no tragus e já to procurando outra joia para colocar no meu !!! 🙂

  6. DEBORA OLIVEIRA disse:

    Olá,quando meu furo no tragus completou 3 meses eu troquei o brinco pela Ferradurinha, na hora sangrou um pouquinho já faz uma semana e está inchado e bem sensível ao toque,dolorido limpo com álcool 70% e no banho com protex,gostaria de saber o q devo fazer voltar a peça de antes ou deixa assim?

  7. Fabiele Nicolau disse:

    Para mim, o furo no tragus é um dos mais lindos e que chamam a atenção. Resolvi furar e quando vi já estava no body piercing para colocar. Doer? Dói sim, mas nada insuportável. No meu caso a vontade de tê-lo era maior do que a dor. Se você pensa em não furar por medo da dor, não tenha, a dor é muito suportável. Fazem três semanas que fiz o meu e ele está lindo, quase totalmente cicatrizado e chamando a atenção de todo mundo que me vê. No início eu limpava somente com soro fisiológico, mas como inchou um pouquinho, peguei uma pomada que eu tinha em casa que usávamos para pequenos cortes e machucados e comecei a usa-lá. Pronto. Lindo e “quase” cicatrizado!

  8. Nildileia disse:

    Eu furei o meu tragos também não achei que doeu muito so fiquei com medo quando olhei a agulha mesmo , a minha ainda não cicatrizou direito pois sempre quando como alguma coisa remosa fica dolorido ,esta com 10 semanas que eu furei e já queria trocar de pincierg mais so quando sarar apesar e uma cartilagem muito sensível mais gente eu amei gica lindo beijos!

  9. Debora bomfim disse:

    Hoje completa 2 semanas que furei o tragos, so que sinto dor, sai pus, ta inchado… Sinto dor ate no ouvido, alguem senti isso?!..
    Acho lindo e nao queria tirar

  10. ISABELLY disse:

    Furei meu tragus faz uma semana e alguns dias, na hora da colocação do piercing, não senti aquela dor como a maioria diz, aliás, não senti dor nenhuma, só ardeu mas pouca coisa. Nos primeiros dias ficou bem dolorido, inchou um pouco mas até que agora depois de uma semana não está doendo nada, já consigo dormir tranquilamente sem me preocupar com dor ao deitar em cima da orelha furada. Consigo até mexer meu piercing super tranquila, lavar a orelha. Óbvio que não cicatrizou totalmente, mas falta muito pouco.

  11. Alessandra disse:

    furei meu tragus ontem e me falaram que é bom passar vasilina para se catrizar alguem ja tentou?

  12. marla socorro gomes alves disse:

    eu mesmo furei o meu tragus eu nao tinha dinheiro pra furar no studio de tatoo furei eu mesma ja faz tres dias esta otimo so inchado um pouco

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *